Gaúcho é Embaixador de Fórum Internacional sobre Liderança e Paz

Noticias Geral 11 Outubro / 2017 Quarta-feira por Gramadosite

O ator e professor gaúcho Marcelo Andriotti, residente no Rio de Janeiro há 18 anos, foi nomeado Embaixador de Liderança no Toronto World Leadership Forum, que se realizará nos dias 17 e 18 de novembro em Toronto, no Canadá. A escolha do fundador da ONG carioca Favela Mundo se deve ao engajamento dele no processo de educação e socialização de crianças. O evento é apenas o início de uma série de Fóruns anuais, parte de um projeto maior, destinado a criar uma plataforma de liderança global, oferecendo oportunidades para mudanças positivas nas áreas de liderança e paz.

“É uma honra ser um dos Embaixadores de um evento tão importante. Me inscrevi para ser participante e horas depois recebi um e-mail da organização do evento dizendo que eles viram meu trabalho com a Favela Mundo nas comunidades do Rio e queriam que eu fosse embaixador. Fiquei muito feliz com o reconhecimento. Estarei a frente de um grupo de pessoas, com interesses afins, de projetos que envolvam arte e cultura nas questões que o encontro debaterá: empoderamento feminino e paz”, afirma Andriotti. Como embaixador também estará presente em eventos fechados para os palestrantes, onde falará das atividades da Favela Mundo. “Tenho certeza que será uma experiência muito importante para mim e para o futuro de nossa entidade”, conclui.

Reconhecida em 2014 pela Organização das Nações Unidas (ONU), como Modelo de Excelência de Inclusão Social nas Grandes Cidades, a ONG carioca Favela Mundo tem mostrado, na prática, que é possível pensar e construir um mundo melhor. Fundada em 2010, a entidade envolve associações de moradores, escolas e outras ongs num projeto único, onde cidadãos, de todas as idades, ganham oficinas artísticas e cursos de capacitação profissional. Desde sua criação, já beneficiou mais de 4.100 alunos de 125 comunidades e bairros do Rio de janeiro e Baixada Fluminense. A Favela Mundo é patrocinada pela Prefeitura da Cidade do Rio de Janeiro e Secretaria Municipal de Cultura, LAMSA e MetrôRio, por meio da Lei Municipal de Incentivo à Cultura - Lei do ISS, conta com apoio do Instituto Invepar.

Toronto World Leadership Fórum

Este Fórum é um esforço conjunto com a Schengen Peace Foundation, uma instituição sem fins lucrativos aprovada por Sua Majestade Henri, o Grão-Duque do Luxemburgo. Contribuirá para o fortalecimento de líderes de negócios, sociedade civil, política, ciência e universidades, com o objetivo de proporcionar uma plataforma única para inovadores e pioneiros de mais de 40 países, para trocar pontos de vista e experiências sobre as melhores práticas nos atuais desafios relacionados à liderança, à paz e ao empoderamento feminino.

Esta primeira edição do Toronto World Leadership Forum é apenas o início de uma série de Fóruns anuais, parte de um projeto maior, destinado a criar uma plataforma de liderança global, oferecendo oportunidades para mudanças positivas nas áreas de liderança e paz. O fórum fornecerá um quadro para discussões relevantes e construtivas sobre liderança, paz e empoderamento feminino e dará aos participantes a oportunidade de ouvir informações interessantes do Dr. Auma Obama, Brian Tracy, Jack Canfield, Ismael Cala e muitos outros.

Marcelo Andriotti

Formado em Artes Cênicas pela UNIRIO (Interpretação e Licenciatura), Marcelo ingressou no DAD (Depto. de Artes Dramáticas) da UFRGS em 1995. Iniciou sua carreira em 1993 em Porto Alegre e mudou‐se para o Rio de Janeiro em 1999. Além de dirigir a Favela Mundo, dá aulas de artes na rede municipal do Rio de Janeiro. Representou o Brasil, como convidado, em eventos culturais e pedagógicos, apresentando o Favela Mundo nos Estados Unidos, Marrocos, Cuba e México. Entre os principais eventos estão o UNAOC‐EF Summer School, em Nova York, em 2013, o World Cities Day, na ONU em Nova Iorque, em 2014, o Millenium Campus e a Opportunities Fair, ambos da ONU, em 2015, e o NAIMUN, no Marrocos, em 2016.


ONG Favela Mundo

Fundada em 2010 a ONG Favela Mundo já beneficiou 4.416 crianças e jovens de 125 comunidades do Rio de Janeiro e Baixada Fluminense. Representou o Brasil em diversos eventos no extrerior, entre eles destacam-se o Congresso Internacional de Pedagogia de Havana/Cuba, UNAOC-EF Summer School, na ONU em Nova Iorque e em 2014 o projeto foi reconhecido como um “modelo de inclusão social nas grandes cidades”, no World Cities Day 2014, na Sede das Nações Unidas. Ao todo a Favela Mundo já esteve presente, levando a bandeira de nosso país, em 8 eventos no exterior. Em agosto de 2016 o destino foi a África que recebeu a Favela Mundo no NAIMUN - The North American Invitational Model United Nations, que ocorreu no Marrocos e debateu formas de aplicar os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável. A entidade foi a única brasileira convidada, entre projetos de mais de 50 países. Atualmente os projetos da entidade estão na Cidade de Deus, Rocinha, Piedade e Tomás Coelho e beneficiam 772 pessoas entre crianças, jovens e adultos.

Categorias:   Notícias | Artigos | Economia e Negócios | Estilo | Cultura | Esportes