Língua Brasileira de Sinais é novidade no Festival Internacional de Folclore

Intérprete fará traduções simultâneas do português para Libras ao vivo no evento

O Festival de Internacional de Folclore de Nova Petrópolis, que terá 43 grupos folclóricos do Brasil e do mundo se apresentando na Rua Coberta de 18 de julho a 4 de agosto, contará com um intérprete de Libras pela primeira vez em sua história. A novidade, que reforça o caráter inclusivo da 47ª edição do evento cultural, poderá ser conferida nos principais momentos do evento e em todas apresentações programadas para o Palco da Diversidade.

O intérprete de Libras contratado para trabalhar no festival, Lenon Tarragô, estará presente no Acendimento da Chama Folclórica, marcado para 18 de julho; na Abertura Oficial do evento, que será realizada no dia 19 de julho e nas Celebrações da Vida da Paz e da Diversidade, programadas para os dias 21 de julho e 4 de agosto. A última participação de Lenon no festival será no Encerramento Oficial do evento, no dia 4 de agosto. Além das aparições ao vivo, as traduções de Lenon, que foram gravadas em 41 vídeos, serão exibidas no início de cada apresentação no telão instalado no Palco da Diversidade.

Para o secretário adjunto de Educação, Cultura e Desporto e coordenador do 47º Festival Internacional de Folclore, Paulo Cesar Soares, a inclusão da Língua Brasileira de Sinais eleva o festival a um novo patamar. "Mais uma vez, estamos inovando no Festival Internacional de Folclore. As traduções para Libras vão enriquecer ainda mais o evento. Introduzindo o caráter de inclusão, tornamos nosso festival ainda mais acessível e democrático", destacou Soares. A contratação do intérprete de Libras, teve um investimento de, aproximadamente, R$ 3.500,00, somando as participações ao vivo e os vídeos gravados com o intérprete. Ainda de acordo com o coordenador do festival, os recursos para a contratação dos serviços foram conseguidos junto à Cooperativa Sicredi, patrocinadora do evento.