• Quem já conhece sabe que, além de hotéis confortáveis e restaurantes maravilhosos, a cidade conta com mais de mil pontos comerciais concentrados basicamente em duas grandes avenidas que cortam a cidade: a Borges de Medeiros e a Avenida das Hortênsias.

    Isso parece pouco, mas não é. Com lojas modernas e bem decoradas, um passeio pelo centro de Gramado revela o que é moda em couro, o melhor chocolate caseiro do país, a tradição na fabricação de móveis e um artesanato rico em criatividade.

    Para quem não abre mão das grifes, um recado: Gramado não perde em nada para os grandes centros comerciais do país. Por aqui o pessoal do comércio anda sempre antenado em tudo que é moda no mundo.
  • É clichê dizer que “Gramado é um shopping a céu aberto”, porque a cidade vai muito além disso.
    Com um ar bem cosmopolita, a Rua Coberta é o ponto de encontro de gente bonita e bem vestida que circula pelos charmosos cafés e dá uma passada na livraria.
    Sempre movimentada, a Rua Coberta também serve de palco para atrações artísticas e culturais o ano todo.
  • Mas Gramado quer mais. Com um investimento que ultrapassa os 6 milhões de reais, a avenida Borges de Medeiros passa por uma reformulação.

    A cidade sai na frente mais uma vez e até o final de 2007 estará inaugurando uma nova Borges, eliminando a fiação e os postes atuais, transformando o centro de Gramado num grande espaço de lazer e comércio formado por ruas amplas, canteiros floridos e lojas lindas.

    Como se pode ver, não é à toa que a cada ano 2 milhões de pessoas escolhem Gramado como o seu destino de viagem.