• Em dias normais, um lindo parque com um lago ladeado pela vegetação e embelezado por uma pequena ilha no centro.
  • Em dias de Natal Luz, um inusitado palco para concertos líricos e espetáculos cheios de efeitos especiais.

  • Idealizado por Leopoldo Rosenfeld, o Lago tem 17 mil m², num espaço cercado de araucárias com mais de 70 anos, a beleza do Lago Joaquina Rita Bier é uma das primeiras visões de quem chega a Gramado pela RS 115, pois pode ser contemplado à esquerda da estrada.
  • Ainda mais depois da recente remodelação da encosta do parque. Uma espécie de mirante foi construída à beira da rua, deixando a vista mais limpa, com bancos para descanso e nova iluminação pública, tudo com o requinte característico de Gramado.
  • No período do Natal Luz, o Lago Joaquina Rita Bier se transforma num palco e o parque recebe arquibancadas e camarotes no seu entorno para que o público possa conferir todos os detalhes do Nativitaten.
  • Balsas são colocadas dentro do lago. Nelas, os cantores líricos interpretam as canções natalinas que emocionam os espectadores. Efeitos de som, luzes, fogo, fogos de artifício e águas dançantes completam o show.

  • Durante o ano todo, o Lago Joaquina Rita Bier é freqüentado por gramadenses e turistas que aproveitam a beleza do local para fazer caminhadas ou praticar exercícios físicos.
  • Também há os que preferem o local para se refugiar à sombra de algum cipreste para tomar um chimarrão, jogar conversa fora, namorar ou apenas relaxar um pouco. Os bancos espalhados às margens do lago e na ilha também convidam para uma “lagarteada”.

  • Aproveite e estenda a caminhada no bairro Planalto, pelas redondezas do Lago, cujo nome é uma homenagem a uma das primeiras colonizadoras alemãs que fixou residência em Gramado. Saia mais cedo e desfrute dessa rota. Se puder ou preferir, vá de bicicleta!
  • O bairro Planalto tem belíssimas residências tanto de veraneio como de moradia, com arquitetura de muito bom gosto e jardins decorados por um paisagismo sem par. As próprias ruas são cuidadosamente emolduradas por plátanos e hortênsias, que se revezam a cada estação causando efeitos visuais encantadores. Sem contar os sons da natureza que podem ser contemplados percorrendo esse refúgio...