Eletricz é pioneira no Brasil no lançamento dos monociclos elétricos da marca Gotway

Empresa inicia as vendas no mercado brasileiro de três monociclos elétricos de altíssimo desempenho

A Eletricz, distribuidora com sede em São Paulo (SP) especializada na comercialização de monociclos, patinetes e bicicletas elétricos de última geração, foi a primeira empresa no mercado brasileiro a comercializar os monociclos elétricos de altíssimo desempenho da marca Gotway, um dos principais fabricantes mundiais desse equipamento. Agora, a empresa já soma em seu portfólio no Brasil mais de 10 modelos de monociclos elétricos das marcas KingSong e Gotway.

“A Gotway é mundialmente conhecida por produzir monociclos elétricos de altíssima performance. Fundada em 2013, na China, a marca é uma das únicas do mundo a fabricar estes veículos com velocidade superior a 60 km/h. Seus monociclos são voltados principalmente para usuários bem experientes que exigem mais velocidade, autonomia e potência. Já temos um procura importante por parte desse público”, afirma Márcio Canzian, CEO da Eletricz.

O novo modelo Nikola Plus, que custa R$ 18.570,00, é o mais acessível da linha Gotway no Brasil. Ele vem equipado com um motor com potência de 2.000 W e bateria de íon lítio de 100 V e 1.800 Wh, pesando somente 26 kg. Com isso, o veículo atinge até 64 km/h de velocidade máxima e oferece uma autonomia muito grande, de até 160 quilômetros sem precisar ser recarregado. O produto também conta com alça retrátil escondida no corpo do equipamento (que permite transportá-lo desligado rodando facilmente, sem erguê-lo do chão, como se fosse uma mala pequena de viagem), dois alto-falantes de 25 W cada (para tocar músicas do telefone celular com ótima qualidade, por meio da tecnologia Bluetooth), pedais maiores, pneu aro 16 com três polegadas de largura (mais conforto e segurança ao ultrapassar imperfeições no solo) e luzes de LED na traseira, na dianteira e nas laterais.

O monociclo elétrico MSuper Pro (MSP), lançado pelo preço de R$ 19.950,00, traz como principal diferencial um motor mais potente, de 2.500 W, e a bateria de íon lítio de 100 V e 1.800 Wh. Ele pesa 25 kg, e oferece a mesma facilidade de ser transportado por meio da sua alça retrátil. O MSuper Pro tem autonomia de até 160 quilômetros com uma carga completa de bateria. Reconhecido mundialmente como um dos monociclos elétricos de melhor desempenho, sua velocidade máxima é de 60 km/h. Seu pneu é aro 18, com três polegadas de largura, o que o torna mais robusto e seguro ao percorrer pisos mais irregulares. Visualmente, seu charme fica por conta do acabamento que imita fibra de carbono. Ele também conta com dois auto-falantes, de 35 W cada. Para a iluminação, o modelo tem dois faróis de 24 V na parte dianteira.

Top de linha da Gotway no Brasil, por enquanto, o monociclo Monster V3 (R$ 24.741,00) é equipado com motor de 2.500 W de potência, que lhe garante uma velocidade máxima de até 70 km/h. Sua bateria de íon lítio tem 100 V e 1.845 Wh, proporcionando uma autonomia de até 160 quilômetros sem precisar de uma nova carga. Com peso de 28,5 kg, ele é o único monociclo vendido no Brasil que utiliza pneus aro 22, oferecendo ao seu condutor uma dose de conforto e segurança inigualáveis no segmento. O Monster V3 ainda conta com botão anti-spinning, dois auto-falantes (35 W cada), logo lateral “Monster” em LED, pedais maiores e entrada USB para, por exemplo, carregar o celular durante a viagem. Externamente, seu acabamento imita fibra de carbono e sua lanterna oferece 1.000 lúmens de luminosidade.

SOBRE A ELETRICZ

A Eletricz (www.eletricz.com.br) iniciou suas operações em julho de 2018 com a missão de promover a locomoção de curta e média distância, incentivando a valorização da vida ao ar livre, a apropriação saudável das vias públicas e a mudança para um estilo de vida mais saudável, divertido e econômico. Por isso, comercializa os mais avançados veículos elétricos portáteis e desenvolve projetos e ações para difundir e incentivar este novo perfil de mobilidade urbana. A empresa comercializa monociclos, patinetes e bicicletas elétricas, mas os monociclos respondem hoje por 80% do seu faturamento, que chegou a R$ 3,5 milhões em 2019.

Mais Publicações